sábado, 13 de agosto de 2011

Pai é pai

A relação do Bruno com o pai é muito linda. Os dois sempre se entendem. O Eduardo deu o primeiro banho, trocou várias fraldas, ficou noites sem dormir... Isso claro ajudou na cumplicidade mas para mim a relação deles começou bem antes. Na minha barriga, era só o Eduardo chegar perto que o Bruno começava  a se mexer, chutar. Mesmo antes de falar eles se entendiam pelo olhar. Sem contar que o Bruno aos três anos é um mini-dú. Gosta de esportes, informática, videogame, dinossauros e lego como o pai. Os dois assistindo jogo do São Paulo é hilário! Os melhores momentos da minha vida são nós três juntos, conversando, brincando de lego ou fazendo cócegas. Mas os momentos que mais me emocionam é vê-los interagindo sozinhos. Eu babo muito!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário